METRÔ

Incêndio no metrô

Fogo começou por volta de 6h. Passageiro relatou 'pior coisa' que já viu.

Do RJTV


Imagens feitas por um passageiro do metrô mostram o desespero dos passageiros durante um incêndio que atingiu um vagão no início da manhã desta segunda-feira (31).
Faltavam poucos minutos para a 6h, quando uma grande quantidade de fumaça começou a sair debaixo do trem que ia para Botafogo, na Zona Sul do Rio, pela linha 2. Pelas imagens não é possível ver as labaredas, mas a quantidade de extintores utilizados e o desespero de quem atuava ali no momento mostram que a situação poderia ser grave.
A fumaça invadiu o interioir do vagão, que foi esvaziado, e também a plataforma. Os passageiros ficaram esperando até que a situação se normalizasse.
Diferentemente do que havia afirmado a concessionária Metrô Rio de que só houve muita fumaça na pane elétrica ocorrida em um trem da Linha 2, na estação de Inhaúma, no subúrbio do Rio, às 5h55 da manhã desta segunda-feira (31), um passageiro contou que viu labaredas de fogo.
“Começou a sair fumaça, fumaça e labareda, e foi subindo o fogo, foi subindo, e todos os extintores do metrô, todos eles, (estavam) vazios, debaixo do banco. Isso foi o ápice da pior coisa que eu já vi na minha vida”, afirmou José Augusto.
Segundo ele, o susto ainda foi maior quando funcionários apareceram com extintores de água, já que o problema era na rede elétrica.
O diretor do Metrô Rio, Gilberto Flores, afirmou que há possibilidade da pane ter provocado fogo. Quanto aos extintores, Flores disse que eles estão dentro do prazo de validade, mas que vai passar por uma perícia. Ainda segundo ele, a água só foi usada depois que a energia foi cortada.
De acordo com a assessoria de imprensa concessionária Metrô Rio, o trem seguia para Botafogo, na Zona Sul do Rio, e teve um curto-circuito na rede elétrica. A composição teve que ser retirada de circulação e os intervalos na Linha 2 ficaram irregulares durante cerca de três horas.

Nenhum comentário: