PRAÇA NOSSA SENHORA DA PAZ




















Estação de metrô em praça divide opinião de moradores de Ipanema


Estação da Linha 4 está prevista para a Praça Nossa Senhora da Paz.


Moradores são contra porque temem o fim da praça, mas há quem apoie

.
Lilian Quaino
Do G1 RJ


A Praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, com suas árvores de 80 anos (Foto: Lilian Quaino/G1)O projeto de construção de uma estação do metrô na Praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, Zona Sul do Rio, como parte da Linha 4, que deve ficar pronta para operar em 2015, vem dividindo a opinião de moradores, que marcaram para a manhã de sábado (22) um protesto em plena praça, mas de forma bem-humorada, com aulas de ginástica e música, segundo a organizadora, Ignez Barreto, antiga moradora do bairro.


Dono brinca com o cachorro na grama


(Foto: Lilian Quaino/G1)Ela diz que o encontro servirá para uma reflexão sobre a real necessidade de uma estação ali, já que existe a da Praça General Osório, há poucas quadras, no mesmo bairro.

Rodrigo Moreira, morador do bairro há 40 anos, desde que nasceu, é totalmente contra o metrô na praça.

"É desnecessário. A estação General Osório é bem perto daqui. Além disso, na praça tem árvores de mais de 80 anos", contou ele, que todos os dias leva seu cãozinho basset daschund para passear no local.


Maurício e a neta Clara; ele é contra o metrô na praça (Foto: Lilian Quaino/G1)Mesma opinião tem outro morador, Maurício Graccho, que brinca com a neta Clara na pracinha.

"Sou contra o metrô porque vai destruir a praça. E também vai aumentar o trânsito de pessoas estranhas ao bairro".

Já a arquiteta Maria Bacelar, outra moradora, é a favor do metrô e explica:

"Serão menos ônibus circulando nas ruas do bairro. E a obra, sendo subterrânea, não significa qus a superfície vá ser destruída. A obra não precisa desfigurar a praça", disse ela, exercitando-se com a filha Carolinna nos aparelhos de ginástica.


A arquiteta Maria e a filha Carolinna são a favor da estação (Foto: Lilian Quaino/G1)Maria Justina Felipe, que vive em Ipanema há 30 anos, concorda, dizendo que vai ser bom para todo mundo.

"E vai diminuir o número de ônibus na rua. As pessoas vão chegar mais rápido com o metrô. Sou a favor".

Já a babá Maria Aparecida Lopes, que cuida das crianças na pracinha, é contra o metrô.

"Onde as crianças vão brincar? Já tem metrô na General Osório. Minha patroa também é contra".

Pulmão do bairro


A organizadora do protesto marcado para sábado é a moradora Ignez Barreto, coordenadora do Projeto Segurança Ipanema (PSI), um movimento voluntário apartidário que foca o trabalho na segurança do bairro "não apenas em termos de repressão, mas do melhor aproveitamento do espaço público, da limpeza, dá regularização fundiária e urbanística da comunidade do Cantagalo", segundo explicou.

Ela disse que, em maio, os 600 voluntários do PSI organizaram uma enquete em que foram ouvidos 1.168 moradores de Ipanema em 60 prédios e apenas 126 moradores apoiaram o metrô na Praça Nossa Senhora da Paz.

"91,37%dos entrevistados foram contra. A praça é única no bairro, é o pulmão de Ipanema com árvores de mais de 80 anos. A praça e seu entorno são tombados pela prefeitura há 30 anos. A obra do metrô causara um enorme impacto ambiental, destruindo fauna e flora",disse ela.

Ignez explicou ainda que o bairro é pequeno e que os moradores estão habituados às caminhadas, um dos motivos de o bairro ter um forte comércio de rua. Ela teme que o metrô na praça possa acabar com esse hábito do ipanemense.

"A estação é desnecessária já que a estação General Osório é muito próxima. De uma a outra, a viagem levaria menos de um minuto", calculou.







Nenhum comentário: